Rabiscados


Pois então, ficaram rebuçados, os corações. 
Sorrisos que partiram, aos pensamentos
tão frios que ficaram. Os olhares, que
mesmo distraídos, adoravam ver que
estavam desviados, tentando vê-los em
volta, em qualquer lugar.

Então, se cruzam sem saber, beijam sem querer,
abraçam e modiscam a saudade, sem entender.
Encontram-se nos corações, pra saber realmente se
continuam, um para o outro.

Os sonhos são os mesmos, contínuos,
e faiscados de amor. Ao longe se vê o futuro:
Tão junto. De pé sobre um rabisco inventado,
como se fossem seus rascunhos envelhecidos,
pelo tempo que guardou, engavetado nas suas
pequenas memórias.

Mesmo rabiscados, se reinventam.
Pra que a história só vire começo.
Pois até mesmo sem querer,
conseguem se amar.

23 comentários:

martasousa disse...

que lindo :)

Carol Barboza disse...

Ahh, como eu estava com saudades dos seus textos maravilhosos. Linda poesia, Ana! :) Impossível não amar e reconhecer seu dom!
Beijo e ótima semana pra vc, querida
 Just Carol

Luna Sanchez disse...

O amor servindo como seu próprio alimento.

Lindo, Ana, muito!

Um beijo.

Lucas Richardson disse...

Simplesmente magnífico, porque amor de verdade se torna novo a cada dia, com o tempo não se acaba, mas se reinventa, aumenta e se fortalece. Maravilhosa o forma como você descreveu e enxergou isso tudo. Parabéns.

c. disse...

que bela forma de descrever o sentimento! adoro sempre :)

Ariana disse...

Que amor lindo esse que tu descreveu.
Parabéns pelo lindo poema!

Beijos

Gabriela Freitas disse...

Aí que coisa mais linda, adorei esse seu poema :3

Thalita Paiva disse...

Estar apaixonada é lindo e amar é uma dádiva. Tudo lindo e super docinho.

Beijos!

Luana Espindola disse...

Quando pego um texto seu para ler, acabo lendo todos. Já disse que os amo, né? Tão românticos e mágicos. Obrigada pelos comentários fofoletos no meu blog, você é uma linda *-*
Beijos.

Luana Espindola

Wellington disse...

Pereito, seu blog é muito organizadoo..

Seguindo vc aqui, segue volta??
http://belezaeatragedia.blogspot.com/

...bjos, Até mais!!

Moni Abrao disse...

" aos pensamentos
tão frios que ficaram." achei o texto inteiro incrivel, mas essa frase chamou muito minha atenção!
Lindo texto ^^

Amanda Z. disse...

Esse foi o melhor *-* tão apaixado e mágico.
Eu adorei, mais uma vez parabéns Ana! =D

Beijos
www.diariodelooks.com
@diariodelooks

Por que você faz poema? disse...

Sem querer,
sem saber,
rabiscando a poesia
a vida acontece.

Maggie May disse...

o que acontece ao acaso é sempre mais intenso...

Laís Pâmela disse...

Amei Ana querida,
Cada dia mais sua escrita fica linda.
Bjs.

Carol disse...

Ana, que coisa linda, esse final então!
Acho que a boa poesia é aquela que te faz se identificar, mesmo você não estando vivendo aquele momento. É a força da palavra sentida.

Um beijo.

Inercya disse...

dos rabiscos é que vêm os lindos desenhos.

@yasmin_vizeu disse...

admiro tuas escritas e a forma como consegues escrever poemas tão lindos... sou uma aberração com poesias, rs.
Achei tão lindo e tão docinho esse teu poema, que me vi adorando ele a cada linha lida!
"pois até mesmo sem querer,
conseguem se amar."
Adorei!

Yohana Sanfer disse...

Que coisa linda, intimista, apaixonada!
Vim agradecer sua visita e carinho no meu blog e me encantei com estas palavras! bjs

sawuelbruno™ disse...

Bem legal esse texto/poema
bem interessante as palavras,
possui uma leitura agradável

show !!

Carol Barboza disse...

Aiin Ana. Você é a pessoa mais fofa ever, sério. Tô passando pra te desejar uma semana maravilhosa :)
Beijo e ótimo restinho de terça-feira pra vc, flor.
 Just Carol

Ira Buscacio disse...

Minha amiga menina Ana, que bom estar aqui, novamente, ao alcance da sua sensibilidade.
Saudade. bjs

Carolda disse...

O amor não deixa só rabiscos, mas marcas eternas.

Beijo, moça.

Postar um comentário

Sua opinião é importante e valiosa. Obrigada por visitar!